Os óculos do João foram para o Zuck

Que me dizem da compra dos Oculus Rift pelo Facebook? Parece que ninguém sabe bem o que isto significa. Então e o John Carmack, fica empregado do Zuckerberg? Temos marketing ou investimento? Pessoalmente acho melhor a aquisição do Carmack do que propriamente a tecnologia.

Capacetes de realidade virtual, sim é um capacete, de óculos não tem nada… têm a idade… sei lá das 16 bits?  Lembro-me de os ver na FIL, na altura que a Commodore ainda existia! (Alguém se lembra das meninas de patins no stand)?

Parece que estes são melhores… agora o Facebook é dona de uma grande tecnologia que existe à pelo menos duas décadas e tem servido para… rigorosamente nada.

Mas tudo vai mudar, vai ser espetacular jogar Farmville de capacete sentado na sala com uma pala gigante nos olhos a olhar para as couves. Ao menos que façam jogos a condizer, deviam fazer imediactamente um jogo de mergulho, pelo menos o equipamento é quase igual, é só meter o tubo para respirar e podem ir para a banheira, fazer de conta que estão numa barreira de corais.

 Ainda ouvi dizer que iria servir para fazer compras no Facebook.  O capacete deve ser para a alta velocidade da internet, não vá um mosquito entrar no olho…

Ó Sr. Zuckerberg, anda tudo a disparar bitaques para o ar, ninguém percebe nada disto, diga-me lá, você vai meter o Oculus Rift no Goat Simulator não vai? Espetáculo! Era mesmo o que faltava a um título tão brilhante.

Mas bonito bonito vai ser ver o pessoal todo no autocarro de capacete a ver o Facebook, vai parecer uma excursão para um concerto dos Daft Punk.

Agora a sério, senhores da indústria, capacetes? O que vem a seguir? Umas sandálias? Deixe-se de coisas pá, tragam mas é as meninas de patins!

Autor: Tiago Dias Pesquise todos os artigos por

Deixe aqui o seu comentário