Towerfall Ascension

8
Longevidade: 7/10
Jogabilidade: 8/10
Gráficos: 8/10
Som: 7/10

Design simples e viciante

Ausência de multiplayer

Originalmente lançado na Ouya, Towerfall Ascension foi um mini-hit. Mini devido à plataforma onde foi lançado na qual apenas conseguia atingir uma base bastante limitada de utilizadores. Graças ao sucesso na sua plataforma original e do apoio que a Sony tem vindo a dar aos produtores Indies, o jogo chega agora à Playstation 4. Towerfall Ascension é um jogo que fica longe de usar as capacidades gráficas da poderosa nova consola da Sony, mas a verdade é que nem tenta tal coisa. Ao invés disso presenteia-nos com uns belíssimos sprites a fazer lembrar os anos 90 e as consolas de 16-bit.

Towerfall Ascension IMGs1)

Os sprites estão muito bem desenhados e são muito coloridos, infelizmente a cor e pouco mais é o que distingue as várias personagens umas das outras. Não existem poderes especiais ou habilidades que caracterizam as várias personagens, apenas uma cor e um nome pomposo. Mas não se preocupem porque ainda assim elas vão certamente proporcionar-vos imensa diversão. Towerfall Ascension tem um game design simples que muitas vezes me faz lembrar a era de 8-bit e consolas como a NES, Atari VCS ou microcomputadores como o Spectrum. Esses jogos simples como Bubble bobble ou Mario Bros, tinham a particularidade de ser altamente viciantes e Towerfall consegue captar essa essência de diversão na simplicidade.

Towerfall Ascension IMGs5)

Os controlos são extremamente complexos, um botão para saltar, outro para disparar o arco do nosso personagem e claro, o dpad para andar de um lado para o outro. Esta configuração de controlos e tão complexa que seria passível de ser executada num comando da NES ou da Master System. Esta simplicidade dá-nos um jogo viciante e desafiante (algo raro nos dias que correm) e que é difícil de parar de jogar. O cenário é uma arena onde nos encontramos a nós e os nossos inimigos, o objectivo é com o nosso arco ou pelo velhinho método de “saltar-lhes em cima” sermos o ultimo sobrevivente.

Towerfall Ascension IMGs6)

O jogo infelizmente não tem multijogador online, este é sem dúvida o aspecto mais negativo de Towerfall, já que com essa opção aumentava-se facilmente a longevidade e criava sem dúvida um ambiente mais competitivo. No entanto temos sempre o local multiplayer, portanto convidem uns amigos, comprem uns comandos extra e umas pizzas e vão ter uma das melhores experiências de local multiplayer dos últimos anos. Com 4 jogadores por vezes é um caos com montes de coisas a acontecer mas o jogo recompensa quem joga melhor e o jogador mais dedicado acaba por sair vitorioso. Felizmente, para o misantropo, anti-social ou simplesmente se estiveres sozinho em casa a campanha a solo tem algumas coisas para oferecer, principalmente aos perfeccionistas.

Towerfall Ascension IMGs9)

O modo quest oferece alguns níveis, muito desafiantes diga-se, para nos entretermos sozinhos mas além disso há os trials onde o jogador tem de fazer algo em x tempo com grande precisão. Para quem gosta de conseguir fazer o salto perfeito ou disparar a seta perfeita é um modo de jogo que pode justificar a compra apenas pelo single player. Alem de tudo isto as arenas podes ser customizadas, mudando a frequência com que aparecem certos powerups, armas etc. Towerfall Ascension é um jogo super viciante e de uma qualidade soberba que vive em grande parte de uma simplicidade que proporciona imenso divertimento e nostalgia. Ainda bem que este jogo saiu da Ouya alcançando assim um público maior. O futuro da Ouya ainda ninguém sabe mas é sempre uma pena quando bons jogos, como The Apprentice, ficam presos em consolas pouco populares, como a Philips CD-i.

Towerfall Ascension IMGs4)

Autor: Ivan Cordeiro Pesquise todos os artigos por

Deixe aqui o seu comentário